Dia Mundial de Combate ao Câncer

 

O Dia Mundial do Combate ao Câncer tem o objetivo chamar a atenção da sociedade para o aumento dos índices dessa doença, além de alertar para os cuidados e a prevenção.

 

Em geral, a doença está associada a fatores externos como o tabagismo, a exposição excessiva ao sol, hábitos alimentares, alcoolismo, entre outros. Sabendo disso, se proteger fica mais fácil, evitando esses hábitos nocivos.

 

Por ser uma doença complexa, há campanhas para divulgar as formas de combater o Câncer, informando a população quanto aos seus cuidados. Com isso, a Santillana Brasil traz essa conscientização para dentro dos seus escritórios como forma de mobilizar os colaboradores.

 

Em 2014, no mês do outubro rosa já tão conhecido mundialmente, boa parte dos colaboradores aderiram a causa e vieram trabalhar vestidos com a cor, em prol ao combate do câncer de mama.

 

Já no mês de novembro, alguns colaboradores vieram vestidos na cor azul como um alerta às prevenções ao Câncer de próstata. Ambas as campanhas são um incentiva à prevenção, atenção e cuidados com a saúde.

Dia do Jornalista

 

Ser curioso, gostar de escrever e apreciar bons livros são algumas das características mais marcantes do jornalista. Mas antes destes atributos intrínsecos à profissão, o jornalista é o profissional que tem a capacidade de prender a atenção daqueles que querem obter conhecimento, ao mesmo tempo em que, tenta convencer os não interessados. Claudio Abramo, um dos mais respeitados jornalistas brasileiros, afirmava que “O jornalismo é, antes de tudo e sobretudo, a prática diária da inteligência e o exercício cotidiano do caráter”

 

E hoje, dia 7 de abril, dia do Jornalista, nada melhor do que agradecer a estes profissionais que são os responsáveis por defender a informação, e mais do que isso, transformar os fatos em notícias. A Santillana Brasil valoriza o trabalho destes profissionais e agradece os Jornalistas pela sua preciosa contribuição à empresa e à sociedade.

 

Parabéns jornalistas, parabéns defensores da informação!

Moderna participa de programa de livros do governo

 

O Programa Nacional do Livro Didático – PNLD oferece livros didáticos às escolas públicas do ensino fundamental, e é executado em ciclos trienais alternados, ou seja, a cada ano o Ministério da Educação - MEC distribui livros a todos os alunos de um segmento, estejam eles nos anos iniciais de alfabetização, no ensino fundamental ou ensino médio.

 

A Editora Moderna participa desse programa inscrevendo seus livros didáticos no portal do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação – FNDE. Então, há a entrega desses livros juntamente com a documentação necessária, ao Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo – IPT, para que façam uma triagem e, em seguida, os livros selecionados são enviados à Secretaria de Educação Básica – SEB/MEC, para avaliação pedagógica.

 

As obras são avaliadas e o MEC publica o Guia de Livros Didáticos com resenhas das coleções consideradas aptas. Esse guia é enviado às escolas públicas, as quais devem escolher os livros que melhor atendem às suas necessidades.

 

A Editora Moderna também mantém contato com as escolas, após a distribuição dos livros, prestando o serviço de acompanhamento aos professores com o novo material, para assim, melhorar a aplicabilidade e aproveitamento dos livros fornecidos. Esse é um apoio fundamental que amplia os conhecimentos tanto dos professores, como dos alunos.

 

PNLD 2016

Por se tratar de um importante programa do governo para a melhoria da educação do país, a Editora Moderna promoveu um encontro comercial em Minas Gerais, entre os quase 300 profissionais da força de venda. O tema central do encontro propôs um direcionamento para as ações do PNLD, a partir da discussão da educação de resultado, buscando práticas com valor agregado aos alunos e profissionais da educação, e também, ao país.

 

 

Na ocasião, os colaboradores conheceram as estratégias da empresa para o PNLD 2016, os produtos inscritos e foram treinados para auxiliar as escolas em suas necessidades.

Dia do Diagramador e Revisor

 

Você sabia que um livro precisa de vários artistas para ficar pronto? Isso mesmo, graças ao trabalho minucioso do diagramador e do revisor, o livro que está agora em suas mãos pôde ser finalizado e produzido. Por isso, nada melhorar que aproveitar esta data para reverenciar o trabalho destes dois artistas, em especial aos colaboradores da Santillana Brasil.

 

Os diagramadores são extremamente necessários para a produção e o acabamento dos livros e, geralmente, ficam escondidos dos leitores e não recebem o devido valor. Eles organizam, alteram e “quebram a cabeça” para construir as páginas de um livro. São fundamentais para dar sentido ao texto, pensando em cada detalhe, em cada elemento que faz parte da história.

 

Já os revisores são os profissionais com o “olho crítico” que avaliam se tudo está em ordem. Eles têm a tarefa de avaliar a clareza do texto e verificar se a escrita segue as normas da língua portuguesa ou de outros idiomas, como acontece com as traduções, e tudo isso para deixar a leitura muito mais agradável.

 

Por serem tão especiais e fundamentais, a Santillana Brasil possui um departamento especializado no desenvolvimento dos livros. Atualmente o setor conta uma equipe de colaboradores que são os responsáveis pela produção de diversos livros.

 

Incrível não é mesmo? Por isso, você diagramador ou revisor, nos conte qual foi a produção editorial que mais lhe deu prazer e motivação. 

Semana Mundial da Água – conscientização do uso

 

Com a crise hídrica dos últimos tempos, é nossa obrigação cuidar e preservar a água, principalmente agora que ela está escassa. E que tal levar ações simples de economia para dentro da empresa? É uma boa opção!

 

Se a empresa puder investir em treinamentos ou palestras, pode ser uma saída para conscientizar a todos, mas caso isso não aconteça, seja você mesmo o porta-voz do uso consciente da água. Passar a mensagem à diante é a primeira atitude que empresários, gestores, funcionários e colaboradores devem ter, alertando para as formas de economia.

 

Mesmo os funcionários podem estar atentos aos possíveis vazamentos nos banheiros e cozinhas da empresa. Caso observe algum, avise ao seu gerente ou gestor imediatamente para que o mesmo informe ao departamento apropriado.

 

Nos banheiros, ao escovar os dentes, deixe a torneira fechada e apenas abra quando for enxaguar. Mesmo assim, não há necessidade de abri-la muito, abrindo em uma quantidade suficiente, já há uma boa economia. E claro, feche bem as torneiras, caso as mesmas não sejam de pressão.

 

Há empresas que têm banheiros com caixas de descarga do modelo que têm duplo acionamento (3 litros para dejetos líquidos e 6 litros para dejetos sólidos). Sendo assim, utilize corretamente.

 

Caso você utilize copos ou garrafas, e restar água do dia anterior, não descarte-a, reutilize-a em plantas, caso as tenha dentro da empresa, ou até para lavar as mãos.

 

Maneiras de economizar existem e cabe à nós identificar qual a melhor forma, pois a crise da água não é temporária. Mais uma vez reforçamos que o equilíbrio da vida terrestre depende da água e é nossa obrigação pensar na sua preservação.